ONG Parceira do PortoWeb

MERCADO PUBLICO CENTRAL

 * Texto e fotos de Tania e Milton Speroni

** originalmente publicado no blog SEM BARREIRAS

 

Lembram daqueles dias super chuvosos? Foi justamente num desses dias, que eu e o Milton fomos ao Mercado Público.

   O Mercado está completando aniversário, não sei se está nos planos do governo algum tipo de reforma, mas vou dar meus pitacos.

    A EPTC,teve uma brilhante idéia pra se livrar da obrigatoriedade das vagas preferenciais, o que ela fez? Simplesmente disponibilizou todas as vagas da área azul com preferencial, agora eu pergunto: Se as pessoas não respeitam, aquelas vagas selecionadas, pintadas e evidenciadas, quem é que vai respeitar sem aviso? Então pra ir ao mercado, a única solução, é parar o carro numa das três vagas em frente à Secretaria de Acessibilidade. Antes de sair faça uma reza bem forte pra que haja pelo menos uma vaga disponível.

     Até chegar ao mercado não tem escapatória, são muitos buracos, inclusive na calçada ao redor do mercado ( pública, descaso público), além disso, evite usar o banheiro de lá, embora ele exista, ele é sujo e funciona como um depósito.

   O acesso ao andar de cima é por um amplo elevador e as lojas deste andar, quase todas têm um degrau, muitas delas colocam uma rampa de madeira, que eu particularmente acho pior e mais arriscado subir por ela do que pelo degrau.

    O mercado além de ser um paraíso gastronômico, por dentro é bem plano, dá pra circular numa boa, algumas lojinhas não deixam espaço suficiente pra cadeira passar, mas dá pra comprar mesmo assim.

  

  

 

 

 

 

   Buracos.

    

   

    Espaço estreito, a cadeira não passa.

  

   Rampa de madeira X degrau

   

    O troninho-sujo.

  

   Praticando o verbo comprar.



A+-     A  ?
» contatos

Rua Andradas 1560, sala 611
Centro - Porto Alegre-RS
Cep 90020-002

 (51) 3414-6381 (das 14h as 18h)
 Fale Conosco



ANUNCIE

AQUI

Saiba como






















Desenvolvimento PROCEMPA