ONG Parceira do PortoWeb

CIDEF/UCS 50x40 RS PARADESPORTO

Os Guerreiros viajaram à Caxias do Sul, na segunda-feira, dia 8 de junho, para enfrentar a equipe da CIDEF/UCS, líder do certame. Foi uma partida muito disputada e nervosa, desde os primeiros momentos. A equipe do RS PARADESPORTO não iniciou bem e permitiu ao time da serra abrir vantagem no placar. Depois de estar perdendo por 14x5, os Guerreiros fecharam o primeiro quarto em alta, através da conversão de 2 pontos por Ronaldo Germano e um ataque de três pontos do base Paulinho que converteu cesta e ainda anotou um ponto de lance livre após sofrer falta.

No segundo quarto o time voltou focado e acertou a marcação. Mesmo jogando o tempo inteiro com baixa pontuação (o quinteto de pontuação mais elevada da equipe somava 11,5 pontos), os Guerreiros realizaram um trabalho efetivo de proteção ao garrafão, impedindo chutes bem colocados ao adversário. No intervalo o placar registrava 23x18 a favor do time de Caxias e o jogo estava aberto.

O terceiro quarto, contudo, foi um desastre para o RS PARADESPORTO. O time de Caxias retornou do intervalo mais ligado e impôs ritmo forte, abrindo larga distância no marcador. Com um parcial de 15x2 desfavorável e um basquete irreconhecível, o time do RS PARADESPORTO teria de se superar para voltar ao jogo no último quarto. Os Guerreiros ainda tentaram reação, com um parcial de 13x6 nos primeiros minutos do último quarto. O placar registrava 44x33 a 4 minutos da buzina final. Mas o time de Caxias do Sul soube manter a diferença. No final, com a vitória de 50x40 o CIDEF/UCS disparou na liderança da competição.

Pelo lado do CIDEF/UCS os destaques foram Evanir Ramos e Sebastião Abreu, com 18 pontos cada. Pelo RS PARADESPORTO marcaram Paulo Roberto Daueneimer (14 pontos), Luiz Portinho (10 pontos), Ronaldo Germando (8 pontos), Artur Rodrigues (6 pontos) e Julio César Alves (2 pontos), além de Gabriel Folador, Pierre Fabra, Fabiano Grabinski, Luis Roberto Nolasco e Claudiomiro dos Santos, que jogaram, mas não anotaram pontos.

Ao final da partida, os atletas do RS PARADESPORTO manifestaram inconformidade com a derrota e reclamaram demais da arbitragem que ficou a cargo dos federados Rodrigo Kurtz e Tiago Moreno. Segundo Luiz Portinho "não podemos culpar a arbitragem pelo resultado, a equipe de Caxias mereceu a vitória, mas não há como negar que a inexperiência dos árbitros prejudicou o bom andamento da partida". Paulinho disse que "é bem complicado, houve utilização de critérios diferentes para lances idênticos; saímos do jogo com quatro faltas técnicas contra nenhuma do time da casa.". Um dos mais inconformados era o veterano Julio Alves que declarou: "não gostei da arbitragem. foram vários os equívocos de interpretação. levei uma técnica num lance em que o adversário nitidamente freiou a cadeira na minha frente. qualquer juiz com um mínimo de experiência no sobre rodas sabe que esse tipo de lance é falta de quem freia a cadeira. os erros constantes minaram nossa equipe.".

Agora a tabela reserva compromissos no dia 20 de junho para o time de Caxias (que recebe a equipe do CODESC de Santa Cruz). O RS PARADESPORTO recebe o time da ADDEFIL/UNIVATES de Lajeado no dia 23 de junho.

Para maiores informações sobre o certame, bem como tabela de resultados do campeonato, acesse http://ong.portoweb.com.br/rspara/default.php?p_secao=56


A+-     A  ?
» contatos

Rua Andradas 1560, sala 611
Centro - Porto Alegre-RS
Cep 90020-002

 (51) 3414-6381 (das 14h as 18h)
 Fale Conosco



ANUNCIE

AQUI

Saiba como






















Desenvolvimento PROCEMPA