ONG Parceira do PortoWeb
Portoweb / Portal da Solidariedade / RS PARADESPORTO / Paradesporto / Rugby em Cadeira de Rodas / Matérias Relacionadas

Brasil tem Classificadora Reconhecida pela IWRF

Brasil tem classificadora reconhecida pela IWRF

O rúgbi em cadeira de rodas voltou para o Brasil, após intenso período de treinamento na Suíça e participação no European Preparation Tournament 2010, com novidades expressivas. Além de ganhar experiência de jogo ao enfrentar equipes de ponta, como Suíça, Dinamarca, República Tcheca e Áustria, a comissão técnica comemora a classificação de um membro da equipe.

O trainee de arbitragem, professor Sigmaringa, atuou de forma plena durante toda a competição tendo   participado de cinco jogos das vinte partidas do Campeonato.

Para finalizar com chave de ouro, a classificadora e fisioterapeuta brasileira Andreia M.Micai Gatti, após longo período de exigência da Banca de Classificação Tipo B, constituída por Viola Altmann (Classificadora nível quatro da Holanda),Kartherine Payern( Classificadora nível três da Suíça),Sibylle Coglionese(Classificadora nível dois da Suíça) e Angelika Fasching (Classificadora nível dois da b),conseguiu conquistar o direito ao titulo de Classificadora Internacional nível dois da IWRF. 

“O CPB a ABRC não tem medido esforços no que diz respeito ao investimento na modalidade de rúgbi em cadeira de rodas no Brasil”, afirmou Luiz Claudio, vice-presidente do CPB.

Entenda mais sobre Classificação:

Certificação do Classificador Internacional

A certificação do classificador estabelece que um indivíduo reuniu as competências para a classificação e está apto para a prática como classificador de rúgbi em cadeira de rodas. Classificadores devem ser treinados e certificados pela IWRF.

 Níveis de Certificação
           

Existem quatro níveis de certificação fornecidos pela IWRF

Nível 2 – Classificador Regional ou Internacional
• O indivíduo que completou com sucesso seu treinamento de formação básica e foi certificado pela IWRF como membro de um painel de classificação.
• Se o classificador foi treinado com um painel continental, então pode ser certificado com Classificador de Nível 2 Regional (Nível 2 R). Referência ao Artigo 10.3.
o Um classificador em treinamento com uma certificação nacional Nível 1 pode treinar com um painel internacional e receber uma certificação internacional; se o classificador está autorizado a trabalhar na sua região com outros classificadores mais experientes ainda não está capacitado para trabalhar independentemente em um evento internacional .
• Se o classificador foi treinado com um painel internacional, então pode ser certificado como Classificador de Nível 2 Internacional.
• Este indivíduo pode participar na atribuição de classes esportivas com supervisão de classificadores mais experientes.



A+-     A  ?
» contatos

Rua Andradas 1560, sala 611
Centro - Porto Alegre-RS
Cep 90020-002

 (51) 3414-6381 (das 14h as 18h)
 Fale Conosco



ANUNCIE

AQUI

Saiba como






















Desenvolvimento PROCEMPA